RH e o jurídico no mundo pós-digital

RH e o jurídico no mundo pós-digital

As perguntas, ainda sem respostas certas, são as responsáveis por ensejar novos modelos de negócios e novas competências profissionais e empresariais. O novo que não traz certeza, que causa desconforto, ao mesmo tempo que assusta, atrai e motiva – a fazer novas perguntas, a criar, a sermos mais humanos.

É esse espírito que se coloca como baliza em qualquer empresa. Alinhado ao propósito da organização, faz pulsar a vida no ambiente corporativo cada vez mais digital, mais tecnológico e mais ágil. Somente pessoas concretizam sonhos, valores e missões. Com isso, é possível, com uma equipe movida por dedicação e alegria, criar soluções diante das perguntas – como nós, as pessoas que formam a Techware, os TechDesigners. 

São essas equipes que são responsáveis também pela criação desse novo ambiente de trabalho, colocando parte de si em cada linha de programação, em cada atendimento, em cada visita, em cada atividade que parece estar longe de um produto, mas que sem ela, nada acontece (como deveria acontecer). Nosso espírito humano é a alma de nossa tecnologia, e isso se aplica à Techware e deveria se aplicar a qualquer outro contexto inovador.

Acreditamos que é nesse conjunto homem-máquina que trilham os negócios. É a agilidade do digital, com sua amplitude e abrangência, que impulsiona a mudança, que transforma mercados, que exige novas competências, que traz novas experiências. Que cria um novo mundo, novos modelos de negócio e uma nova consciência do RH.

O papel do RH na interação com o jurídico e o governo em um cenário pós-digital e pós-pandêmico

Diante deste cenário, há um ponto muito importante a ser considerado, que é a atuação de departamentos decisivos – como o caso do Recursos Humanos e do Jurídico junto às instituições governamentais. Por isso, vale questionar aqui: como a legislação trabalhista tem olhado para o modelo de trabalho híbrido ou remoto? 

Por ser um formato relativamente novo para muitas empresas, a CLT (Constituição das Leis do Trabalho) não possuía todas as tratativas diretamente relacionadas a estes modelos. Porém, após a aprovação da última Reforma Trabalhista, foram incluídas regras que regulamentam o teletrabalho ou home-office, contidas no Artigo 75-A, que cita a jornada de trabalho, os equipamentos utilizados, os direitos trabalhistas, bem como a segurança no trabalho.

Desse modo, as organizações que planejam adotar o trabalho híbrido permanentemente precisam conhecer esta legislação e principalmente a relação entre empregador e empregado neste modelo. Desse modo, é uma tarefa que engloba diversos departamentos e isso inclui o RH. 

Além dessa parte burocrática, o RH também deve desenvolver uma atuação estratégica para que o modelo de trabalho híbrido seja confortável e benéfico para todos, por isso o ideal é desenvolver algumas ações. Abaixo elencamos algumas:

  •     Orientação

É indispensável orientar os colaboradores e criar condições ideais para que o trabalho híbrido seja desenvolvido de forma organizada. Para isso, investir em treinamentos, cursos e workshops é essencial neste primeiro momento.

  •     Acompanhamento

O desempenho dos colaboradores neste formato deve ser acompanhado pelos gestores de RH e uma das formas de executar esta ação é utilizando os KPIs (Indicadores de Desempenho), mensurados por tecnologias.

  •     Comunicação Interna

A comunicação interna também deve seguir esta tendência, ou seja, os feedbacks e reuniões podem ser realizados tanto virtual como presencialmente. Para o remoto, uma das alternativas é criar uma rede social corporativa ou utilizar plataformas como o Workplace. 

  •     Tecnologia 

Outro aspecto importante é o uso de tecnologias adequadas ao trabalho híbrido, que tenham protocolos de segurança baseados na LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) e proporcionem aos colaboradores e gestores a possibilidade de acessarem suas tarefas de qualquer lugar a qualquer momento.

Flexibilize com o Rhevolution 

Sabemos que implementar o trabalho híbrido é desafiador, principalmente porque é preciso desenvolver uma mentalidade organizacional flexível, que mantenha metas e resultados; equipe alinhada; avaliação de performance apurada, cultura de entrega, além de contar com um software de Folha de Pagamento  e RH que represente de fato a transformação digital.

Quando falamos sobre isso é impossível não citar o Rhevolution – o nosso software de Folha de Pagamento e RH com soluções em Cloud – já que ele atende todas essas necessidades, associando mobilidade, segurança de dados, geração de relatórios claros e intuitivos, entre outras diversas funcionalidades. 

Quer descobrir por que o Rhevolution representa o que há de mais tecnológico para o seu RH em relação ao trabalho híbrido? Leia também: Trabalhe de onde quiser, o Rhevolution estará sempre com você!